os textos aqui apresentados são redigidos em desacordo com o Acordo Ortográfico #AO90







sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

contra a ditadura da felicidade, trajando negro, envergando as cores e detestando os cinzentos.



agasta-me a ideia de que todos temos que ser felizes, sempre, a cada momento. 
não temos. e não somos. porque a vida não o permite. porque nós não estamos atentos, 
porque somos comodistas, por um sei lá de porquês e comos e quandos e quês.
agastam-me as 'ssoas cinzentas com vidinhas cinzentas, reduzidas a dias sem sal, nem sol. 
gente que vê problemas em tudo o que é situação e não pensa fora da caixa 
(e como eu gosto de pensar fora da caixa, senhores!). 
gente que não se assume (porque não sabe bem aquilo que é, nem está em vias de procurar). 
gente que se senta a ver a vida dos outros, embebida em inveja. 
gente que «não tem nada contra, mas...» ou que «eu até acho que dar sangue é importante, mas nunca fui». 
agasta-me gente que quer saber quem sou, perguntando o que faço. 
já para não falar daqueles que querem, à força toda, fazer parte da minha vida.

o que me vale são as 1001 coisas que não me agastam. 
o que me vale é que tenho um mundo com mundos por dentro.


You became light, the real meaning of my life
And then we said YES
The right time to make a change
You don't need to understand
Just do something else...
I don't know if we'll be there
We can turn our lives around
We'll do something else
And when we're old
Don't feel sad
'Cause when we die, we will lie
Full of colours...
While you said yes
I will give you all my life, oh
And if you despair
Just don't ask me to deny our love
It's easy to understand, try a different view
See the line outside of you
You can turn my life around
With something else
I will die if you say no
It will be the time
Welcome to my world
This will be the time
Welcome to my world
Once in a lifetime
Welcome to my world
This will be the time
If you're lost, sometimes we all feel down
Explode your love your feet will never
ever touch the ground...

(by the gift) 

1 comentário:

TAB disse...

E se há dias que estas pessoas nos são indiferentes... há outras que nos incomodam e nos tiram do sério... mas por pouco tempo, pois o tempo é escasso para perder com essa "gentinha"!